Categoria: ARQUITETURA, DESIGN, ESTILO, SUSTENTABILIDADE | Publicado em por | 18:11 | Autor: DUOCASA

Hammarby Sjöstad: o bairro verde de Estocolmo

O que seria um bairro sustentável? O primeiro ponto a se considerar é que ele precisa, fundamentalmente, ser pensado ecologicamente desde sua construção até seu funcionamento e manutenção. Um lugar com preocupações como emissões de carbono, efluentes residenciais e industriais e consumo de energia, entre outros. O mundo inteiro procura produzir seus bairros verdes, mas poucos são planejados como o Hammarby Sjöstad, em Estocolmo, capital da Suécia. Localizado próximo de um lago que leva o mesmo nome, o projeto será finalizado em 2016.

A prefeitura de Estocolmo está investindo cerca de 3,5 milhões de euros, juntamente com empresas de infraestrutura e do mercado imobiliário, no bairro que pretende repaginar a antiga área industrial e portuária da cidade. Desde 1993, o projeto do bairro 100% sustentável possui metas e objetivos para realmente ajudar o meio ambiente.

O local possui um sistema de coleta seletiva de lixo subterrâneo e pneumático que facilita a reciclagem. Os resíduos que não podem ser reciclados são incinerados para gerar eletricidade. Todos os materiais utilizados – dentro e fora dos prédios – foram cuidadosamente selecionados com base em considerações ambientais. Tanto os ônibus quanto as cozinhas dos apartamentos funcionam com biogás proveniente das águas residuais. Os edifícios possuem painéis térmicos e fotovoltaicos – que proporcionam quase a metade da água quente total consumida -, isolamento térmico, janelas com vidro triplo e telhados verdes.

Quanto à mobilidade, os moradores do bairro contam com um trem gratuito, sistema de compartilhamento de carros e ciclovias, tudo com conexão para diferentes pontos da cidade.

Todas essas inovações fazem com que o Hammarby Sjöstad emita 50% menos gases de efeito estufa do que um bairro comum. Além desses cuidados, o projeto também visa recuperar o entorno natural do lago, incluindo áreas verdes, bosques e zonas aquáticas.

Comente

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*Nome: Website: Comente:

 

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>