Categoria: ARTESANATO | Publicado em por | 20:07 | Autor: DUOCASA

Rosenbaum: arte popular como geração de renda

Decorador conhecido por todos os públicos, Marcelo Rosenbaum trabalha com projetos sociais que tem a proposta de introduzir design como geração de renda em comunidades carentes.

Realizando sonhos na televisão brasileira através do programa Caldeirão do Huck, no quadro “Lar, doce lar”, Rosenbaum busca mais do que aparecer na TV. Seus trabalhos com o projeto “A Gente Transforma” – AGT, criam produtos com design de raiz feitos pela comunidade e para a comunidade. Usando conceitos da sua área para expor a alma brasileira, trabalha melhor as dimensões de produto e reforça a identidade de artesanato dos grupos, unindo os saberes ancestrais das comunidades a técnicas modernas.

A primeira comunidade selecionada pelo projeto AGT foi Várzea Queimada, no Piauí. Rosenbaum transformou o artesanato local, incluindo nele seus toques especiais. As peças contam a história de quem vive na região, utilizando materiais comuns. Os artesãos de Várzea Queimada criaram suas primeiras peças a partir do que aprenderam com índios, negros e imigrantes europeus. É nessa mistura de culturas que se baseia o projeto.

Utilizando palha de carnaúba para fazer cestos, tabuleiros, máscaras e tapetes e borracha para fazer sandálias de dedos, colares, chaveiros e fruteiras, o trabalho da comunidade foi exposto no Salão Internacional do Móvel de Milão, na Itália, em abril.  Dessa maneira, Rosenbaum dá ênfase e estimula o artesanato nos mercado nacional e internacional.

Seu design com caráter social já fez com que fosse chamado de “playboy que pinta a favela para se aparecer”,  como aconteceu na atual comunidade do AGT, o Parque Santo Antônio, em São Paulo. Rosenbaum sustenta que seus trabalhos de design são um negócio social, que gera renda, conteúdo e desenvolvimento para o país.

No Parque Santo Antônio, o trabalho não contou apenas com a geração de renda através da cultura local, mas também foi construída uma biblioteca e toda a comunidade passou por reforma e ganhou pintura nova. Contudo, nesta comunidade o trabalho foi mais intenso, pois não havia identidade de grupo, diferente de Várzea Queimada.

Rosenbaum encontra sua inspiração no próprio Brasil, na simplicidade, no minimalismo, na essência de cada comunidade. Seus trabalhos são inspirados no folclore e iconografia nacional.

A DUOCASA compartilha e acredita em iniciativas como a de Rosenbaum. A marca utiliza na decoração de suas lojas peças de artesanato brasileiro, desenvolvidas não só por comunidades carentes como também por mestres e designers reconhecidos.

Comente

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*Nome: Website: Comente:

 

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>